Portal da Cidade Itatiba

zona azul

Autistas terão 1h de estacionamento gratuito por dia na Zona Azul em Itatiba

Medida entra em vigor na próxima segunda-feira (22/08), mesmo dia em que será expandido número de ruas que contarão com a cobrança.

Publicado em 19/08/2022 às 17:46
Atualizado em

(Foto: Divulgação/PMI)

A partir da próxima segunda-feira, dia 22, todos os autistas que residem no município poderão se cadastrar para ter direito a uma hora gratuita diária no estacionamento rotativo - a Zona Azul. A medida para autistas é válida para todas as vagas, não só para as demarcadas para PCD’s, e o cadastro prévio deve ser feito junto à Prefeitura.

Para poder usufruir desse benefício, o autista ou sua família devem procurar o Departamento Municipal de Trânsito para fazer o cadastro. 

A medida será operacionalizada pela Estapar, a empresa concessionária do serviço de estacionamento rotativo em Itatiba. Como forma de incentivar a inclusão, algumas placas de sinalização de vaga especial contendo o laço colorido, símbolo do autismo, estão sendo providenciadas pela empresa, sendo que uma delas já está instalada na Praça da Bandeira.

A decisão pelo benefício foi tomada após várias conversas entre a administração municipal com as mães de filhos autistas que relataram as dificuldades enfrentadas em determinadas situações, como por exemplo, a de precisar deixar ou chegar a um determinado local com mais rapidez, em caso de crises sensoriais, o que já colabora para uma melhor qualidade de vida aos autistas, que podem apresentar hipersensibilidade auditiva em ambientes com muito barulho, com muitas pessoas e até mesmo o fato do deslocamento muito longo para chegar até um destino.   

“Essa Zona Azul inclusiva permitirá às pessoas que tenham autismo (e suas famílias que as acompanham) estacionar em qualquer vaga - sem ter nenhum tipo de pagamento de tarifa - durante uma hora diariamente", adianta o prefeito de Itatiba, Thomás Capeletto de Oliveira.

Como autistas devem se cadastrar?

Para ter acesso ao benefício, pessoas com TEA - Transtorno do Espectro Autista (ou seu responsável) deverão se cadastrar no Departamento Municipal de Trânsito. Terá direito um veículo ligado à pessoa diagnosticada com TEA.

Devem ser apresentados os documentos do veículo e da pessoa ou seu representante legal (Cópia do Certificado de Registro e Licenciamento do veículo; Comprovante de residência e laudo médico ou documento compatível que comprove o Transtorno do Espectro Autista -TEA). A autorização leva, em média, dez dias para ser expedida.

A hora é cheia e válida de forma corrida (uma vez iniciada, não pode ser interrompida). O sistema da Estapar reconhecerá as placas dos carros cadastrados, não sendo necessário colocar nenhum ticket, segundo explica a empresa. No total, cada autista/família terá direito a até seis horas totais, por semana, divididas em uma hora por dia, de segunda a sábado.

O Departamento Municipal de Trânsito fica na sede da Prefeitura (Centro Administrativo Prefeito Ettore Consoline - Avenida Luciano Consoline, nº 600 - Jardim de Lucca), telefone: 3183-0639.

Zona Azul extendida

Será aumentado o número de vagas demarcadas para pessoas com deficiência de um modo geral, uma vez que a partir da segunda-feira, 22/08, também o estacionamento regulamentado ficará maior, sendo ampliado nas seguintes vias:

Av. Luiz Scavone

Av. 29 de Abril

Av. Marechal Castelo Branco

Rua Comendador Franco


e expandido em:

Rua Crescêncio da Silveira Pupo

Rua Antonio Leoni

Rua Domingos Pretti

As ruas Crescêncio da Silveira Pupo, Antonio Leoni e Domingos Pretti passam a ter cobrança pelas vagas. Desde a última segunda-feira (15/08) equipes da Estapar estão circulando por elas para orientar a população sobre a cobrança que se inicia agora nesta segunda, dia 22. Segundo a Prefeitura, com as novas ruas, o motorista deve ter maior facilidade para estacionar nestas vias, que são bastante movimentadas.

A realidade 

Antes mesmo da cobrança da Zona Azul na Rua Crescêncio da Silveira Pupo, moradores de um condomínio residencial localizado na Praça Frederico Junqueira - Casa da Agricultura/Caps II, na Vila Cassaro, já acionaram a Prefeitura de Itatiba sobre o aumento sentido de veículos que procuram a praça para estacionar. Motoristas, já pensando na fuga do pagamento da tarifa, utilizam das vagas da praça para estacionamento onde muitos deles param em locais irregulares, o que dificulta a passagem de veículos e caminhões que acessam o local para cargas e descargas. A Praça Frederico Junqueira não deverá ter a Zona Azul, mas a pedido do Síndico do condomínio residencial, a Prefeitura informou que iria realizar na praça pinturas de solo com as demarcações de vaga, assim como a instalação de placas em locais de proibição de estacionamento e de carga e descarga.


Fonte:

Receba as notícias de Itatiba no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário